fbpx
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
DestaqueHVACNotícias

Com mais de 300 Expositores a 21ª Febrava estava repleta de novidades mundiais no setor de AVAC-R

Com mais de 300 expositores representando 500 marcas, a feira espera atraiu cerca de 25 mil profissionais da área até

Uma edição histórica, a FEBRAVA – 21ª Feira Internacional de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação, Aquecimento, Tratamento do Ar e da Água, maior feira latino-americana do setor, foi aberta ao público na terça-feira (10), no São Paulo Expo. A cerimônia de abertura reuniu representantes da ABRAVA, do Sindratar, e da Reed Exhibitions Alcantara Machado, realizadora do evento, além das 30 associações dos setores alimentício, hospitalar, transporte, hospedagem, automotivo, distribuição, engenharia civil e mecânica que apoiam a feira.

De acordo com Paulo Octavio Pereira de Almeida, vice-presidente da Reed, essa edição da Febrava foi maior de todos os tempos. “Reunimos o mais completo mix de inovações do setor AVAC-R da América Latina”.

Nelson Baptista, presidente da Comissão Organizadora da feira, concorda que a edição atual foi a de maior expressão. “Também foi a de maior conteúdo de todos os tempos”. “Isso prova, incontestavelmente, a confiança dos empresários do setor na economia do país”. Já o presidente do Sindratar (Sindicato das Indústrias de Refrigeração, Aquecimento e Tratamento de Ar no Estado de São Paulo), Carlos Eduardo Marchesi Trombini, destacou a garra do empresário ao apostar no Brasil e lembrou que a Febrava é um instrumento importante no apoio para o setor. “Não podemos sair da crise econômica em que estamos da noite para o dia. Resta-nos trabalhar para que isso aconteça e a feira possibilita a busca por soluções para os problemas comuns”.

O presidente executivo da ABRAVA (Associação Brasileira de Refrigeração, Ar-condicionado, Ventilação e Aquecimento), Paulo Basile, por sua vez, lembrou que o setor emprega algo em torno de 300 mil pessoas e movimenta mais de R$ 32 bilhões por ano. “Somos o termômetro da economia. O setor oferece relevante impacto sócio/econômico no país e a Febrava tem importância enorme ao estimular o desenvolvimento tecnológico e possibilitar o debate dos problemas enfrentados pelo setor”.

Na mesma linha, Pedro Evangelinos, presidente do Conselho de Administração da ABRAVA, destacou a importância da feira por ser a forma mais rápida e econômica de se chegar ao cliente. “Custaria muito ao empresário formar uma equipe para viajar pelo Brasil e pelos países da América Latina para conseguir os contatos que são feitos na Febrava. Isso sem contar com os eventos paralelos como o Conbrava e o encontro de projetistas, que pensam o futuro de nosso setor”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares
×