fbpx
quinta-feira, abril 25, 2024
Notícias

Nano TradeShow fecha com bons resultados e prospecta projeto ambicioso de tecnologias emergentes para 2017

A 2ª edição da Nano TradeShow – única feira de nanotecnologia e inovação do Brasil – tomou conta do Centro de Eventos PRO MAGNO entre os dias 9 e 11 de novembro, juntamente com a Venture Capital Expo (feira de startups). Para acompanhar as novidades e tendências apresentadas pelos 53 expositores, o evento reuniu um seleto grupo de visitantes entre representantes de universidades, indústrias, institutos tecnológicos, cientistas, pesquisadores e empresas interessadas em investir em inovação e nanotecnologia. Já as 24 startups puderam expor seus projetos inovadores a um importante grupo de investidores nacionais e internacionais.

Um dos destaque da feira foi a Reoterm, que está no mercado há mais de 30 anos, representando diversos fabricantes de equipamentos para laboratório e processo, como por exemplo:

– Viscosímetro
– Reômetro
– Analisador de Partículas
– Potencial Zeta
– Granulômetro
– Lavadora de Vidraria
– Banho Termostático
– Agitadores / Placas de Agitação
– Estufas.

Paralelamente às feiras, foi realizada a cerimônia de premiação do 1º PITCh – Prêmio de Inovação com Tecnologias Chaves do Brasil, além de diversas palestras ministradas por renomados especialistas do setor. Destaque, também, para o Ambiente Nanotecnológico e de Inovação – exposição de produtos com nanotecnologia aplicada – e o NanoMundo – laboratório de nanociência montado na carreta móvel do Sesi-Senai.

As feiras geraram um volume de negócios no valor de R$ 12 milhões. O resultado foi positivo e as perspectivas são ainda melhores, como explica Viviane Ferreira, diretora da HEWE Eventos – empresa organizadora dos eventos. “Apesar de um cenário político econômico desfavorável, os resultados do evento comprovam que o investimento em inovação é a solução mais eficaz para que a indústria se mantenha competitiva”.

Projeto 2017

Para justificar e solidificar o otimismo, a organização se antecipou e apresentou o Projeto para 2017. Ambicioso e diferenciado, o novo modelo, intitulado Innovative Experience, foi concebido para promover tecnologias emergentes em diversos setores industriais, com vistas ao crescimento sócio-econômico e ambiental. Para tanto, será composto pela Nano TradeShow, Venture Capital, 2ª edição do PITCh – Prêmio de Inovação com Tecnologias Chaves e, ainda, por três workshops de Inovação Setoriais a serem realizadas em diferentes regiões do país com forte desenvolvimento industrial. “O projeto promoverá a inovação durante todo o ano de 2017 com os workshops e seu encerramento se dará na feira Innovative Experience, onde será realizada a versão internacional do workshop e a cerimônia de entrega dos vencedores do prêmio. Faremos um trabalho de acordo com o modelo europeu (KET´s – Key Enabing Technologies), enfatizando seis tecnologias chaves para o desenvolvimento econômico”, explica Viviane.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares
×