fbpx
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
Notícias

Você sabe o que são medicamentos biológicos?

Pouca gente sabe, mas existe mais de uma forma de produzir um medicamento. A mais comum é a formulação a partir de combinações químicas, mas a produção de biológicos está ganhando espaço de maneira crescente. Mas, afinal, o que são esses medicamentos biológicos? Qual a diferença deles para os químicos? O diretor de tecnologia da Biomm, biofarmacêutica brasileira com patentes em 20 países incluindo o Brasil, Luciano Vilela, explica que o principal diferencial é o processo de produção.

“Enquanto os remédios sintéticos são desenvolvidos pelo agrupamento de substâncias químicas, os biológicos são resultado da modificação de células vivas. Eles são usados principalmente para o tratamento de doenças crônicas”, afirma. O nome biológico vem justamente do processo de produção a partir de microrganismos vivos.

Entre as moléculas desse grupo mais conhecidas pela população está a insulina, usada no tratamento do diabetes, mas também existem opções para pacientes com hepatite, artrite reumatoide, câncer, entre outras doenças.

“A maior parte dos fármacos biológicos é originada da cultura de células geneticamente modificadas”, diz Vilela. Isso faz com que esses biomedicamentos sejam facilmente destruídas pelo suco gástrico presente no estômago. Por isso, os medicamentos biológicos são, na maior parte das vezes, aplicados nos pacientes por injeção.

Devido ao grande número de variáveis envolvidas na fabricação de um medicamento biológico, como a fermentação e a alta pressão, a identidade e a qualidade do produto final só podem ser assegurados pela consistência do processo de produção. Por essa particularidade dos medicamentos biológicos não só o produto, mas, em especial, o processo de produção pode ser patenteado.

Tecnologia Biomm

A Biomm possui tecnologia para a produção de insulina humana recombinante patenteada em mais de 20 países, incluindo o Brasil. Ela permite a produção em larga escala do medicamento com qualidade que atende aos requisitos da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O medicamento será produzido na fábrica da biofarmacêutica, que está sendo construída em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e terá sua primeira fase concluída em 2018.

A tecnologia consiste na inserção de um gene sintético na bactéria (E.coli). Esse gene, também chamado de plasmídeo, estimula a primeira fase da produção de insulina. Após essa etapa, as bactérias são levadas para tanques de fermentação, onde se desenvolvem e passam a produzir uma proteína precursora da insulina.

Os micro-organismos são, então, submetidos a uma alta pressão e se rompem. É nessa etapa que se obtém a matéria-prima para a produção da insulina. O material ainda passa por reações químicas e processos de purificação até chegar ao produto final.

Sobre a Biomm

Primeira biofarmacêutica brasileira, única listada em bolsa, tem a produção de medicamentos biológicos e atua para tornar acessível a qualidade de vida em pacientes com doenças crônicas e de difícil tratamento. Com a inovação em seu DNA, desenvolveu, no Brasil, processo de produção de insulina humana recombinante de alta qualidade, patenteado em mais de 20 países.

3 thoughts on “Você sabe o que são medicamentos biológicos?

  • Maria José M. Barbosa.

    Eu tenho artrite reumatoide, qual seria o melhor medicamento biológico para o meu caso?

  • Rosalia Batista do Nascimento

    eu tenho psoriase palmo plantar qual é o medicamento biológido para combater esse mal?
    a médica quer passar acitretina. porque falou que só quando o problema esta no corpo todo é que passa o biologico.

  • Gostaria de saber se Pembrolizumab e Carfilzomib são medicamentos biológicos e como são obtidos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares
×