fbpx
quinta-feira, maio 23, 2024
Notícias

Ministério da Saúde ratifica a BP como hospital de excelência apto a integrar o Proadi-SUS

A Beneficência Portuguesa de São Paulo, um dos maiores complexos hospitalares privados da América Latina, acaba de ser anunciado como hospital de excelência pelo Ministério da Saúde. A instituição passa a integrar o seleto grupo composto por Hospital Sírio-Libanês, Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital do Coração, Hospital Samaritano, Hospital Alemão Oswaldo Cruz e Hospital Moinhos de Vento, únicos no Brasil a deter tal reconhecimento.

“A filantropia está no DNA da instituição e, por isso, sempre fomos parceiros estratégicos do governo para oferecer atendimento assistencial para pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Ser reconhecido como hospital de excelência ratifica nossa vocação para a filantropia e nos qualifica para continuar prestando serviços de qualidade de maneira ainda mais estratégica”, destaca Rubens Ermírio de Moraes, presidente da Diretoria Administrativa da BP.

A denominação hospital de excelência indica que a instituição passa a integrar as ações estratégicas do SUS de maneira mais intensa por conta do uso otimizado de sua capacidade técnica e conhecimento. “Esse reconhecimento de hospital de excelência permite que a instituição possa oferecer todo o know-how e capacidade técnica em prol de ações e projetos vinculados ao Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS). Isso expande as possibilidades de atuação da nossa instituição e reforça nossa vocação filantrópica”, reforça Rubens Ermírio.

O Proadi-SUS contribui para o desenvolvimento institucional do SUS por meio de intervenções tecnológicas, gerenciais e de capacitação profissional. A parceria entre o Ministério da Saúde e as entidades de saúde portadoras do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social em Saúde (Cebas-Saúde) e de reconhecida excelência é regulamentada pela Lei Federal número 12.101, de 27 de novembro de 2009.

A expectativa é que a BP passe a integrar as ações do Proadi-SUS a partir do triênio 2018-2020 com base nas diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Saúde.

Tradição e inovação
BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo foi fundada em 1859 por um grupo de empresários e representantes do governo de Portugal que chegou ao Brasil no século XIX, com o objetivo inicial de prestar assistência aos imigrantes portugueses e, posteriormente, também aos seus descentes brasileiros. Daí a vocação filantrópica da instituição.

Com o objetivo de continuar sendo um hospital de excelência que também pratica filantropia, a BP implementou nos últimos anos um novo modelo de gestão que já mostrou resultados concretos como a recuperação do Ebitda, por exemplo (em 2015, o superavit operacional atingiu R$ 11,3 milhões, uma reversão ao deficit de R$ 25,5 milhões de 2014). Dentro do planejamento estratégico, a BP acaba de promover um reposicionamento de marca, visando atrair novos clientes, criar novos serviços e continuar investindo na área assistencial, melhorando ainda mais o nível dos serviços prestados em suas unidades hospitalares.

Em 2016, o Ebitda previsto é de R$ 65 milhões (ante receita de R$ 1,2 bilhão) e em 2017 o Ebitda previsto é de R$ 85 milhões (ante receita de R$ 1,4 bilhão). Em 2017 a instituição estima investir R$ 135 milhões e para os próximos 10 anos a estimativa de investimento é de R$ 750 milhões.
Com mais de 220 mil m² de construção instalados em oito edifícios nas regiões central e leste de São Paulo, a BP é um polo de saúde com foco em atendimentos de alta complexidade e referência em três especialidades-chave: oncologia, cardiologia e neurologia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares
×