fbpx
segunda-feira, maio 27, 2024
Notícias

Natulab altera todas as embalagens para reforçar novo momento e posicionamento da marca

A Natulab, empresa líder na venda de fitoterápicos no Brasil e 6ª colocada no mercado de OTC segundo a IMS Health, anunciou que renovará as embalagens de todos os seus medicamentos. O processo atingirá as mais de 300 apresentações e começará por Magmax, antiácido e laxante suave, e Lufbem, responsável por aliviar o desconforto abdominal causado pelos gases. A previsão é que os produtos cheguem às gôndolas das farmácias já no segundo semestre de 2017.

“No início do projeto de reposicionamento da marca corporativa da Natulab foram realizados 12 grupos de pesquisa, nas praças de São Paulo e Salvador. Estes grupos foram compostos por consumidores e balconistas de redes e farmácias independentes e nortearam todo o escopo do nosso trabalho. O novo layout das embalagens é resultado de vários processos criativos e de extensa pesquisa junto a todos os stakeholders da marca.”, explica Sylvia Granziera, gerente de marcas da Natulab. “Identificamos que uma embalagem perfeita do ponto de vista de identidade visual deveria conter uma hierarquização de elementos gráficos, propagar energia e favorecer a consolidação de uma identidade própria para cada uma das marcas.”

Os produtos se tornarão mais didáticos e propositivos. As indicações e sabores serão informados de forma destacada no painel principal para que o consumidor entenda com clareza as recomendações. Ícones serão utilizados nas embalagens dos fitoterápicos como forma de diferenciação. “O selo que identifica a linha de fitoterápicos Natulab é composto por um símbolo representado por uma mão – que transmite cuidado – e a folha – base natural desse tipo de medicamento. Juntos, eles formam o desenho de uma tigela usada na indústria farmacêutica. Além disso, a linha contará com ilustrações em estilo botânica, desenvolvidas especialmente para ela”, conta Sylvia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares
×