fbpx
segunda-feira, março 4, 2024
Notícias

Oportunidades da recém regulamenta da RenovaBio terão destaque nas discussões do 2º Biomass Day sobre geração de energia

O 2o Biomass Day – Congresso Internacional da Biomassa, que ocorre de 22 a 24 de maio no São Paulo Expo, discutirá o potencial e demanda por incentivos para a biomassa como fonte de energia e geração de produtos com alto valor agregado. A recém regulamentada RenovaBio – Política Nacional de Biocombustíveis terá destaque na programação pelo incentivo ao uso e à produção de biocombustíveis avançados com uma pegada de carbono cada vez menor.

O evento é parte integrante da 7ª EnerSolar + Brasil – Feira Internacional de Tecnologias para Energia Solar, organizada pela Cipa Fiera Milano, e os interessados podem se inscrever pelo site www.congressobiomassday.com.br. A RenovaBio será abordada por vários profissionais renomados do setor, como Marcos Barros, especialista em Bioenergia do Departamento de Agronegócios e Alimentos da Finep – Empresa Brasileira de Inovação e Pesquisa.

“Neste novo cenário, o investimento em pesquisa, desenvolvimento e inovação é indispensável para a expansão biotecnológica das biomassas, bem como para sua produção agrícola e seu processamento industrial”, destaca. Barros também irá expor sobre como a Finep pretende apoiar, com as melhores condições, os projetos de mais alto risco tecnológico e que apresentem, potencialmente, maior relevância para o país, como novas variedades para a agricultura energética, com destaque para a cana-de-açúcar e a cana-energia.

Segundo o executivo, também será importante discutir sobre o domínio completo do ciclo tecnológico para o etanol lignocelulósico; soluções flexíveis para utilização de diferentes tipos de biomassa em biorrefinarias; desenvolvimento de novos biocombustíveis; e expansão e domínio nacional da produção de biogás a partir de diferentes substratos. “Buscarei gerar um incentivo à proposição de projetos inovadores de biomassa junto ao público participante”, afirma.

Lytton Medrado, CEO da Bazico Tecnologia e Consultoria Ltda., abordará a contribuição do biogás como a nova matriz energética e como a RenovaBio trará incentivos ao setor sucroenergético. Ele cita a meta de atingir a produção de 50 bilhões de litros de etanol até 2030 (atualmente, o Brasil produz 30 bilhões por ano), o que expandirá significativamente a biomassa disponível para a geração de energia e biogás com o bagaço da cana, vinhaça e torta de filtro.

“Temos um grande potencial de biomassa não utilizado e a tecnologia de biodigestão anaeróbica, relativamente nova no país, é uma alternativa muito eficiente para o tratamento de resíduos e esgoto urbano para a geração de energia renovável e sustentável”, explica.  De acordo com Medrado, mesmo com a RenovaBio, ainda falta uma política de incentivos que reduza a carga tributária sobre os investimentos, que se mantém muito elevada.

Além disso, também há a necessidade de linhas especiais de crédito específicas das quais possam participar instituições financeiras do setor público e privado, segundo o empresário. A Bazico é representante exclusiva no Brasil da Lars Enviro, que tem 400 plantas em operação ao redor do mundo tratando diversos tipos de efluentes. Destas, 272 são de biodigestão anaeróbica produzindo biogás (2,2 milhões de m³/dia) para 26 tipos de industrias, das quais mais de 100 ficam em destilarias e utilizam a vinhaça e a torta de filtro provenientes da produção do açúcar e etanol a partir da cana-de-açúcar.

“Será uma excelente oportunidade para os participantes aprenderem mais sobre o assunto, inclusive a importância da escolha da tecnologia mais apropriada como requisito essencial para eficiência e obtenção de lucro nos projetos”, ressalta. O 2º Biomass Day também terá a participação de Fabricio Soler, sócio do Felsberg Advogados e presidente da Comissão de Direito da Energia da OAB/SP; Camila Agner D’Aquino, gerente executiva da ABiogás – Associação Brasileira de Biogás e Biometano.

E também de Leonardo Caio Filho, diretor de Tecnologia e Regulação de Solar e Biomassa na Cogen – Associação da Indústria de Cogeração de Energia; Celso Junqueira Franco, presidente da Udop – União dos Produtores de Bioenergia; Cristiano Piroli, coordenador comercial da Regional BH da Alsol Energias Renováveis; Henrique Baudel, diretor da America Biomass Technologies; Patricia Fukuma, sócia da Fukuma Advogados; e Celso Oliveira, diretor do Brasil Biomassa e Energia Renovável, presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Biomassa e Energia Renovável e diretor executivo do Instituto Brasileiro de Pellets.

 SERVIÇO

2º Biomass Day – Congresso Internacional da Biomassa

Programação Completa:

www.congressobiomassday.com.br

22 de maio, das 13h30 às 18h45

23 de maio, das 9h às 18h30

24 de maio, das 9h às 18h15

Local:

São Paulo Expo Exhibition & Convention Center

Rodovia dos Imigrantes, KM 1,5 – São Paulo / SP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares
×